quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Prédios Históricos de Taquara são Tombados oficialmente

Na tarde da última quinta-feira, dia 16 de agosto, véspera do Dia Nacional do Patrimônio Histórico, em reunião com Conselho Municipal de Cultura o prefeito Délcio Hugentobler, anunciou o Tombamento Provisório do prédio conhecido como Antiga Casa Vidal e do Palácio Municipal Coronel Diniz Martins Rangel.
Os dois prédios de propriedade do Município, são considerados de relevante importância histórica e deverão receber obras de manutenção, conservação e restauração. O tombamento definitivo será realizado por um projeto de lei que espera o parecer oficial do Conselho de Cultura.

Palácio Municipal Coronel Diniz Martins Rangel

 



















Leva o nome do Intendente responsável por sua construção e inauguração em 21 de dezembro de 1908. Estilo neoclássico, foi palco de importantes decisões políticas, é também considerado historicamente como o mais significativo monumento do século XX  do município. O prédio na época de sua inauguração abrigava diversas funções. No térreo, localizava-se o destacamento da polícia municipal, destacamento da Brigada Militar, delegacia de Polícia e Junta do Serviço Militar; no primeiro piso funcionava a administração municipal, gabinete do prefeito, tesouraria e os arquivos e no segundo, o Fórum e os cartórios.

Antiga Casa Vidal

 













Segundo prédio de alvenaria construído em Taquara e o mais antigo ainda existente. A construção foi edificada na segunda metade do século XIX, no ano de 1882, pelo coronel Jorge Fleck, que governou Taquara por um curto e conturbado período na época da Proclamação da República. José Júlio Muller foi o primeiro proprietário da casa de  tecidos e ferragens. A Casa Vidal era referência para os viajantes por ser um importante ponto comercial. Segundo o Dr. Alberto Martins: “Seus tijolos foram unidos com o pó das conchas marinhas vindas de Nossa Senhora da Conceição do Arroio, hoje município de Osório.”

Renovação do Conselho Municipal de Cultura
São integrantes do Conselho Municipal de Cultura de Taquara – CMCT, para o período 2012/2014, os representantes, da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes, Simone Tomazini da Luz (Titular) e Marisa Baptista Haubrich (Suplente); do Gabinete do Prefeito, Edna Fischborn (Titular) e Maria de Lourdes Fröhlich (Suplente); da Faculdades Integradas de Taquara – FACCAT, Berenice Gonçalves Hackmann (Titular) e Patrícia Fernanda Carmem Kebach (Suplente); do CTG “O Fogão Gaúcho”, José Roberto Fischborn (Titular) e Marlene Teresinha de Oliveira (Suplente); da Academia Lítero Cultural Taquarense, Neusa Conrado Dias (Titular) e Marli Schuller Castro (Suplente); da Associação Taquarense de Artes e Artesanato, Vera Regina Schirmer (Titular) e Odete Mioki Shimoda (Suplente); do Grupo da Terceira Idade “Vovós Sempre Vivas”, Sônia Maria Barckfeld (Titular) e Lori Fernandes (Suplente); da Sociedade União da Paz de Rio da Ilha, Odilon de Borba Lopes (Titular) e Elisabete de Assis (Suplente); da Preservação do Patrimônio Cultural, Cristina Mansuetti (Titular) e da representante do Teatro, Sabrina Tesoto Schwan (Titular).
Também participaram do encontro o procurador do Município, Vinícius Carniel; a diretora de Desenvolvimento, Edna Fischborn; a assessora jurídica, Roberta Müller; o presidente da Defender, Telmo Padilha e o Delegado da Defender em Taquara Alex Müller.

Fonte:  http://www.defender.org.br/rs-predios-historicos-de-taquara-sao-tombados-oficialmente/

Nenhum comentário:

Postar um comentário